Destaque

Avast fecha subsidiária que vendia dados dos usuários do antivírus

Documentos vazados mostraram que produto da empresa era usado como fonte de dados de navegação. Informações eram vendidas por milhões de dólares.


A empresa fabricante de antivírus Avast anunciou o fechamento da sua subsidiária a Jumpshot, empresa que atuava no mercado de dados de navegação para fins de marketing e tendências. 

A decisão foi tomada após saírem reportagens dos sites "Motherboard" e "PCMag" onde eles detalharam como os dados dos usuários do antivírus Avast chegavam à Jumpshot para serem vendidos por milhões de dólares a outras empresas. 

 

O antivirus da Avast é oferecido de forma gratuita, sendo assim eles possuem uma grande base de usuários. A Jumpshot prometia aos seus clientes informações sobre "todos os cliques, todas as buscas, todas as compras, em todos os sites" de mais de 100 milhões de dispositivos.

 

O anúncio do fechamento foi assinado por Ondrej Vlcek, CEO da Avast. O executivo afirmou ter chegado a conclusão assim que assumiu o cargo há sete meses, ele afirma sobre a coleta de informações "não está alinhada com as prioridades de privacidade da companhia em 2020".

 

Em nota enviada ao blog do Altieres Rohr (G1), a Avast afirma que a Jumpshot não obtinha informações pessoais dos usuários, como nome e endereço de e-mail, e que a cessão dos dados não era obrigatória. 

 

"Os usuários sempre tiveram a capacidade de optar por não compartilhar os dados com a Jumpshot", acrescentou a Avast.

 

Mesmo os usuários podendo optar por não ceder essas informações, o compartilhamento era ativado por uma solicitação durante sua instalação. Em dezembro, a Mozilla retirou do ar as extensões do seu navegador Firefox com as marcas Avast e AVG depois da denúncia de um especialista que afirmava que as empresas faziam coleta informações de navegação de maneira irregular. Após o caso a Avast fez adequações e teve sua extensão recadastrada na página do Mozilla. 

 

A Jumpshot era operada em sociedade com a Ascential. No mesmo dia em que sua atividades foram encerradas, a Avast readquiriu um total de 35% da empresa que havia sido vendida para a Ascential em julho de 2019. Nessa época, essa parcela do negócio foi avaliado em US$60,76 milhões (cerca de R$ 255 milhões). 

Comments