Notícias

GDPR já levou a US $ 126 milhões em multas por privacidade de informações

Já foram reportados 160 mil vazamentos de dados


Faz um ano e quase oito meses desde que a lei de privacidade de dados da União Europeia, a GDPR (Regulamento Geral de Proteção de Dados), entrou em vigor e 114 milhões de euros (US $ 126 milhões) em multas foram impostos até agora, segundo um novo relatório.

 

O escritório de advocacia DLA Piper também disse que 160.000 violações de dados foram relatadas neste período - a maioria delas provenientes do Reino Unido, Alemanha ou Holanda. O ano passado registrou um aumento nas violações relatadas em 12,6% em comparação com os primeiros oito meses da legislação.

 

A GDPR entrou em vigor não apenas como uma poderosa lei europeia de privacidade de dados, com a capacidade de multar as empresas em até 4% de sua receita anual global. É também um modelo para o resto do mundo sobre como regular o fluxo não verificado de informações pessoais habilitadas pelas empresas de tecnologia pesadas de hoje.

 

A maior multa resultante da lei foi a punição de 50 milhões de euros (US$ 57 milhões) no Google na França por falta de transparência. Apesar de colocar esse número em contexto, a empresa-mãe do Google, Alphabet, foi recentemente avaliada em US$ 1 trilhão. No entanto, o estudo do escritório de advocacia não contabilizou a multa proposta de 183 milhões de libras (238 milhões de dólares) da IAG, dona da British Airways no Reino Unido - se realizada, isso seria uma multa recorde.

 

Fonte da imagem: Rawpixel

Comments