Notícias

A atualização da Apple em suas diretrizes de revisão da App Store.

As novidades para os desenvolvedores de aplicativos.


As diretrizes atualizadas são em relação a alguns dos recursos que foram introduzidos no iOS 13, versão mais recente do sistema operacional. Entre outras atualizações, foram postas em questão também, a compatibilidade de aplicativos com os modelos mais recentes de iPhone e iPad. 

A Apple relata que 77% de todos os seus dispositivos vendidos nos últimos quatro anos estão executando o iOS 13. Enquanto que no iPad, o número fica em 79%. Esses números mostram a importância dos desenvolvedores atualizarem seus aplicativos, de forma que eles contenham as mais recentes tecnologias disponíveis. 

 

O que acontece.

 

Os novos aplicativos e as novas atualizações devem ser criados com o iOS 13 SDK a partir de 30 de abril deste ano. Dessa forma, os aplicativos irão oferecer recursos como modo escuro, ARKit 3, Core ML 3, entre outros. A empresa exige, também, que os aplicativos sejam desenvolvidos para serem completamente compatíveis com todos os dispositivos que são atualmente suportados. Isso inclui o iPhone 11 Pro Max e o novo iPad de 7ª geração.

Para os aplicativos que oferecem maneiras de se conectar, como utilizando o Facebook e contas Google, a novidade é a necessidade da implementação da possibilidade de conectar-se com as credenciais de ID Apple. Para esse recurso, estarão disponíveis para os desenvolvedores o que será necessário, tais como novos logotipos e botões para download. 

As novas diretrizes serão mais rigorosas ao analisar os aplicativos nas categorias "namoro" e "adivinhação". A Apple afirma que aplicativos que não oferecerem uma experiência única e de alta qualidade, serão rejeitados.

Agora, desdes que o usuário dê autorização, as notificações por push poderão ser usadas para fins de marketing. É necessário, também, que os desenvolvedores forneçam um método, dentro do aplicativo, que permita ao usuário optar por não receber essas mensagens.

Os desenvolvedores não poderão mais solicitar notificações personalizadas de revisão aos usuários. Agora, é preciso usar a API oficial fornecida pela Apple. Dessa forma, os clientes podem dar uma classificação e revisão da App Store sem ter que sair do aplicativo. Portanto, as solicitações de revisão personalizadas ficam proibidas.

Comments